Fernando Cyrino

Caminhando e saboreando a vida.

Textos

O MENINO E O HELICÓPTERO

Desde o começo da manhã ela, desesperada, tentava escapar da prisão em que se metera. Extenuada, tinha chegado ao limite. Da sua cama no hospital o piloto manejava as mil tentativas de salvação da pobre prisioneira. Mas era tudo em vão. O helicóptero vermelho não conseguia ir além da sua mão e muito menos voar. Enfim cessou o zumbido. A abelha tinha abandonado o vidro da janela. Estava morta sobre o lençol branco naquele quarto da pediatria.
Fernando Cyrino
Enviado por Fernando Cyrino em 02/05/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras